Header Image

Sistemas de Aquecimento

ETIQUETAGEM ENERGÉTICA – SISTEMAS DE AQUECIMENTO

O mercado das soluções de aquecimento já oferece soluções baseadas na combinação de sistemas solares térmicos apoiados por aquecedores convencionais, designados por sistemas. Estes sistemas devem também apresentar uma etiqueta energética que indique a classe energética da solução.

Os sistemas de aquecimento estão definidos no Regulamentos Delegados da Etiquetagem Energética:

  • Sistemas mistos de aquecimento ambiente: um aquecedor ambiente ou combinado, um controlador de temperatura e/ou um dispositivo solar (Regulamento Delegado n.º 811/2013);
  • Sistemas mistos de aquecimento de águas: um aquecedor de águas e um dispositivo solar (Regulamento Delegado n.º 812/2013).

Estes sistemas podem apresentados ao consumidor como uma solução pré-fabricado (standard ), ou como um sistema customizado:

  • Pré-fabricado– um sistema de produtos provenientes de um só fabricante ( mesma marca comercial) e que são compilados pelo mesmo em fábrica e são apresentados ao consumidor como uma solução final,
  • Customizado – um sistema de produtos (não necessariamente da mesma marca comercial) que são compilados como um sistema pelo distribuidor no momento da venda, para responder às necessidades de um consumidor especifico.

No caso de sistemas pré-fabricados, a responsabilidade pela emissão e apresentação da etiqueta do sistema é do fornecedor (fabricante ou o seu representante autorizado na União europeia ou o importador que coloca o produto no mercado ou o coloca em serviço).

No caso de sistemas customizados a responsabilidade de emissão e apresentação da etiqueta do sistema é do distribuidor (o retalhista ou outra pessoa que venda ou apresenta os produtos ao consumidor final).

Importa notar que a etiqueta energética do sistema não substitui as etiquetas energéticas dos produtos individuais que o constituem. Aquando da compra o consumidor deve receber as etiquetas energéticas dos produtos individuais (sempre da responsabilidade do fornecedor), e, adicionalmente, a etiqueta energética do sistema .

A etiqueta de sistema deve estar em exibição juntamente com o sistema e a ficha de sistema deve ser disponibilizada aos consumidores finais.

Sistema de aquecedor de ambiente, dispositivo de temperatura e dispositivo solar

Sistema misto de aquecedor de ambiente, dispositivo de temperatura e dispositivo solar

 

I – Fabricante

II – Modelo

III –  Identificação da função de aquecimento (radiador)

IV – Classe energética  do aquecedor preferencial

V – Indicação das componentes do sistema misto

VI – Classe energética do sistema misto

 

Sistema de aquecedor combinado, controlador de temperatura e dispositivo solar

Sistema misto de aquecedor combinado, controlador de temperatura e dispositivo solar

I – Fabricante

II – Modelo

III – Identificação da função de aquecimento (radiador) ou produção de água quente (torneira)

IV – Classes energéticas de aquecimento e produção de água quente do aquecedor combinado

V – Indicação das componentes do sistema misto

VI – Classe energética da função de aquecimento

VII –  Classe energética da função de produção de água quente (de acordo com o perfil de consumo declarado)

 

Sistema de produção de água quente e dispositivo solar

Sistema misto de producao de agua quente e dispositivo solar

I – Fabricante

II – Modelo

III – Identificação da função de produção de água quente (torneira) e perfil de carga (letra abaixo, ‘L’)

IV – Classe energética  do aquecedor preferencial

V – Indicação das componentes do sistema misto

VI – Classe energética do sistema misto

Top